Add to Collection
About

About

We grew up here. No matter where it is, we all grew up here. And it’s usual to feel lost, neglecting the beauty and the warmth all around. It isn… Read More
We grew up here. No matter where it is, we all grew up here. And it’s usual to feel lost, neglecting the beauty and the warmth all around. It isn’t clear who’s to blame (maybe no one), who turned the back for the first time. Still we keep trying. And sometimes, just sometimes, we see a glimpse of what we’d always loved. We all have a home. For me it’s Lisbon. Crescemos aqui. Não importa onde foi, mas todos crescemos aqui. E é normal sentirmo-nos perdidos, ignorando a beleza e o calor que nos rodeia. Não sei quem podemos culpar, se alguém podemos culpar. Quem virou as costas e se esqueceu de olhar primeiro. A verdade é que continuamos a tentar. Sempre. E às vezes, só às vezes, vislumbramos aquilo que sempre amámos. Todos temos uma casa. A minha é Lisboa. Read Less
Published:
We grew up here. No matter where it is, we all grew up here. And it’s usual to feel lost, neglecting the beauty and the warmth all around. It isn’t clear who’s to blame (maybe no one), who turned the back for the first time. Still we keep trying. And sometimes, just sometimes, we see a glimpse of what we’d always loved.
 
We all have a home. For me it’s Lisbon.
 
Crescemos aqui. Não importa onde foi, mas todos crescemos aqui. E é normal sentirmo-nos perdidos, ignorando a beleza e o calor que nos rodeia. Não sei quem podemos culpar, se alguém podemos culpar. Quem virou as costas e se esqueceu de olhar primeiro. A verdade é que continuamos a tentar. Sempre. E às vezes, só às vezes, vislumbramos aquilo que sempre amámos.
 
Todos temos uma casa. A minha é Lisboa.
shot with Adox Color Implosion.