Video - Conselhos Cinematográficos

  • 399
  • 29
  • 6
  •                                                                                                                   O Livro das Citações - Eduardo Giannetti
  •  
    O projeto “Conselhos Cinematográficos” nasce de uma lista de diálogos de filmes que fazem reflexão sobre o comportamento humano. Os diálogos são retirados de seu contexto original e transformados em cenários, distanciando-se de seus filmes, propondo novas formas de visualidade. 
     
    Escolheu-se 2 diálogos que se mostravam capaz de seguir os seguintes objetivos estipulados: ter como tema o comportamento humano, ser uma frase curta (devido a inclusão na composição do cenário) e ser capaz de proporcionar dois momentos diferentes no video utilizando apenas um cenário e a câmera fixa. Os videos produzidos deveriam ter 20 segundos de duração, com pequenos movimentos internos na cena, utilizando objetos, cores e lettering e ter como áudio uma trilha sonora também originado de um filme.
  • ......................................................................................................................................................
  • ......................................................................................................................................................
     
    CENÁRIO 1
  • O diálogo do cenário origina do filme The Dark Knight (2008, direção e roteiro de Christopher Nolan):
     
    – Whatever doesn’t kill you simply makes you… stranger.
     
    A trilha sonora origina do filme Donnie Darko (2001, direção de Richard Kelly)
    “Slipping Away” de Michael Andrews
  •  
    ::: CENÁRIO
  •  
     
    ::: PRÉ-PRODUÇÃO
  • Para retratar os traumas internos que são abordados nas entrelinhas do diálogo, utilizou-se a luz negra como recurso para "revelar" as feridas internas que as pessoas vão acumulando ao longo da vida e que não são notados à uma primeira vista. 
  •  
    ::: REGISTRO
  • Sem Photoshop. Resultou em algo divertido e inesperado para mim =)
  • ......................................................................................................................................................
     
    CENÁRIO 2
  • O diálogo origina do filme Mr. Nobody (2009, direção e roteiro de Jaco Van Dormael):

    – As long as you don't choose, everything remains possible.

    A trilha sonora origina do filme Napoleon Dynamite (2004, direção de Jared Hess)
    “Bus Rider” de John Swihart
  • ::: CENÁRIO

  • ::: PRÉ-PRODUÇÃO
  • 1º teste - sustentação da estrutura pelos próprios canudos
  • 2º teste - sustentação da estrutura pelos canudos com ajuda de arames
  • Com estes 2 testes foi possível entender melhor o funcionamento dos canudos e que tipo de encontro de canudos seria visualmente mais interesse. Como o objetivo deste cenário era tentar mostrar um universo de infinitas escolhas, seria necessário acrescentar profundidade.
  • 3º teste - diferentes planos e estrutura sendo sustentada por arame dentro dos canudos.
  • O fato de ter várias camadas de canudos em planos diferentes e ainda com arame dentro dificultava muito a montagem, pois era necessário controle de todos os canudos envolvidos para que se obtesse um visual agradável. 
  • Diferente do modo que estava sendo feito, no qual os caminhos de canudos eram criados durante a montagem, neste teste foi planejado um desenho 2D com a medida que deveria ter os arames em cada dobra e em que local deveriam ficar. Não deveria haver canudos na frente e nem atrás das portas e cada porta geraria um único caminho que passaria por cima de sua porta, sendo fixado a ele, com canudos de sua mesma cor.
  • 4º teste - realizado com um arame de espessura maior, o que acrescentou ainda mais dificuldade, mas permitiu que a estrutura se sustentasse.
  • 5º teste - chegou a resultados satisfatórios de estrutura mas continuava não agradando os aspectos de direção de arte. Era necessário maior controle sobre os caminhos percorridos pelos canudos. 
  • 6º teste - mapeamento de toda a estrutura física montada, medindo cada espaçamento dos furos e as dimensões da estrutura para uma pré-construção em 3D. A lente usada para a filmagem dos videos proporcionava distorções laterais no cenário, essas distorções também foram simuladas no 3D, aproximando ao máximo da realidade da estrutura física. Apesar dessas precauções, a estrutura física não se comportava idêntica ao 3D, havendo ainda assim algumas dificuldades durante a montagem do cenário. Agradeço a ajuda do Ricardo Lobato nessa etapa =]
  • O lettering deste cenário também foi criado com canudos. Ele foi fotografado e sofreu redução de tamanho no computador.
  • ::: REGISTRO
  • ......................................................................................................................................................
     
    CENÁRIO 3 - Vinheta de abertura
  • Com o intuito de manter uma unidade e mostrar que os vídeos fazem parte de um projeto com continuidade, foi criado uma vinheta, também construída em forma de cenário, ambientando o espectador sobre o que veria. A transição deste para o cenário do conselho é dada usando uma claquete que informa o número do conselho que o espectador irá assistir, de que filme este conselho/diálogo foi retirado e de que filme está sendo a trilha que o espectador está ouvindo.

  • ::: CENÁRIO
  • ::: PRÉ-PRODUÇÃO
  •  
    ::: TESTE DE ILUMINAÇÃO
  • Música: The Escape Artist - Nick Urata/ filme: I Love You Phillip Morris
  • ::: REGISTRO
  • ......................................................................................................................................................

    VINHETA + CENÁRIOS
  • .....................................................................................................................................................................
     
    Conselhos Cinematográficos foi meu Trabalho de Conclusão de Curso em Design Gráfico na UEMG. Ele permitiu estudos nas áreas de design de produção, direção de arte, set design, video, lettering e iluminação.