Add to Collection
About

About

Agenda Cultural de Lisboa
Published:
RECANTOS

agenda cultural de lisboa
 
“Designers are authors, as a writer and editor, I design texts and editorial structure. 
There are quite a few similarities between writing and designing - both are deeply editorial activities, which means that in both cases the writer or designer has to make essential decisions about the structure of content: they have to turn disparate data into meaningful information…”


BRUINSMA, Max, Lecture, Johannesburg (SA), Lisbon (PT), September 2001
 
Este projeto editorial, realizado na disciplina de Design Editorial 2, na Faculdade de Belas Artes de Lisboa, visa complementar ou redefinir a natureza primária da agenda cultural tendo como ponto de partida a Agenda Cultural de Lisboa. Foi definida uma estratégia e uma estrutura editorial considerando a criação e ampliação de canais de comunicação, assumindo para o efeito uma dimensão multimédia, integradora de suportes impressos e digitais, possibilitadora de uma maior interação com os diferentes públicos.
Foram superadas as diferentes fases, desde a definição do conceito e do nome da publicação, até à criação do primeiro número impresso e de uma solução digital.
A Agenda Cultural “Recantos” surge como uma nova proposta no mapeamento da cidade de Lisboa sugerindo mais para além dos tradicionais eventos que constituem a atual agenda. É proposto um percurso mensal que mostra o lado menos turístico da cidade. A organização temática da revista segue o percurso sugerido na sobrecapa (mapa).
Cada mês tem a sua temática, que lhe está diretamente relacionada. O número produzido como exemplo, para o mês de Março, segue a temática da Primavera, e sugere jardins como locais também a visitar (Jardim das Oliveiras, Jardim do Museu da Arte Popular, Miradouro Adamastor, Jardim da Gulbenkian, Parque José Gomes Ferreira e Jardim Museu da Cidade).
Tendo em conta igualmente fatores económicos e sustentáveis, esta agenda foi pensada para ser impressa em bicromia, sendo atribuída para cada mês uma cor. Neste mês da Primavera, e dos jardins, foi escolhida a cor verde. Foram também simuladas as capas dos dois meses seguintes, Abril e Maio, mês da música (cor azul) e mês dos museus (cor castanha), respetivamente.
 
A versão online da agenda é uma versão mais completa, com mais informação, com hiperligações que aprofundam o conteúdo e a possibilidade de rever meses anteriores (disponível em recantoslisboa.wix.com/recantos).
Este foi um projeto realizado em grupo, por Catarina Palma, Ivan Vasilev e Lúcia Buisel, em Abril de 2012.
Em exposição na Fabrica Features, em Lisboa, de 5 a 22 de Outubro (mais informação em fabrica-features-lisboa.blogspot.pt).