"A objetificação, termo cunhado no início dos anos 70, consiste em analisar um indivíduo a nível de objeto, sem considerar o seu valor emocional ou psicológico.”
Quando falamos de objetificação do corpo feminino estamos a referir-nos à banalização da imagem da mulher, ou seja: a aparência das mulheres importa mais do que todos os outros aspectos que as definem enquanto indivíduos."

Ilustrações feitas em Linóleo. 
Esta ilustração surgiu como uma espécie de uma revolta. 
Numa noite como todas as outras, deambulava pela cidade nos meus habituais passeios noturnos. A certa altura, oiço um jovem (possivelmente nos seus 20) a comentar o seguinte:
"Mano, olha para aquela porca ali de saia". 

Não sei se a atitude normal seria ir abordar os rapazes, mas fui.
"É porca porque esta de saia?"
Riram-se e responderam-me que sim.

Acenei com a cabeça e vim embora.
Esta ilustração é, sim, uma crítica. Associei o corpo feminino à personagem da porca. Estas a mostrar as pernas? Vê-se o sutian? Tens mais quantidade de pele à mostra do que é socialmente aceitável? Fogo, isso é uma porcaria! 
As ilustrações mostram uma mulher, de roupa interior. É acrescentado o elemento do Porco, e referencias textuais como a expressão "Que porcaria!" ou "Quem diz é quem é" são aqui usadas como crítica ao baixo nível, ao absurdo e absolutamente nojento que é a objetificação da mulher, e ao quão habitual se tornou ouvir comentários destes nas ruas. 




"Objectification, a term coined in the early 1970s, consists of analyzing an individual at the level of an object, regardless of its emotional or psychological value."
When we speak of objectification of the female body we are referring to the trivialization of the image of the woman, that is: the appearance of women matters more than all other aspects that define them as individuals. "

Illustrations made in Linoleum.
This illustration came as a kind of rebellion.
One night like all the others, I roamed the city on my usual night walks. At one point, I hear a young man (possibly in his 20s) comment on the following:

"Bro, look at that bitch wearing a skirt."

I do not know if the normal reaction would be to approach the boys, but I did.
"Is she a bitch because she´s wearing a skirt?"
They laughed and said yes.

I nodded and walked away.
This illustration is, in fact, a criticism. I linked the female body to the pig character. Are you showing your legs? Is your bra showing? Do you have more skin on display than is socially acceptable? Damn, disgusting!
Illustrations show a woman in underwear. Added the element of the Pig, and textual references as the expression "Que porcaria!" (the mess that pigs make) or "Quem diz é quem é" (if you´re insulting someone, that same is insult should be about yourself) is used here as a criticism of the low level, the absurd and utterly disgusting that the objectification of women really is, and how common it has become to hear comments like this on the streets.



Thank you :) 



"Que porcaria!"
82
967
3
Published:

"Que porcaria!"

82
967
3
Published:

Tools

Creative Fields