• Add to Collection
  • About

    About

    LOST / 1 The media’s liturgy is a history of royal love. Kate and William in love! The screens light up and the dream wedding beams out to the … Read More
    LOST / 1 The media’s liturgy is a history of royal love. Kate and William in love! The screens light up and the dream wedding beams out to the world. Someone says, "I’m not going to the prince’s wedding operetta.” The good thing about living fossils is that they give us more information than dead ones. “What?” I think. “They have one more thing to tell me—what?” Someone else responds, “Fossils are living statues, a frozen present, a revivified image of the past.” Signs groan, far away, almost subliminal, and the princess falls all of a sudden into Salvador de Bahia, onto a street wet from rain, wearing her wedding dress, full of thorns! Now she is a fossil - fossil K. - KYRA O. PISTILLI . Fashion-Photography-Advertising: concepts as contemporary life chronicles. KATE, a concept in dialogue with "Single" by Leo França. LOST / 1 A intocável liturgia da mídia nos conta uma história de cabeças coroadas pelo amor. Kate e William in love! As telas se acendem e o sonho do casamento é radiante. Alguém fala: « No casamento do príncipe de opereta, eu não vou”. O bom dos fósseis vivos é que eles nos dão mais informação do que as próprias espécies fossilizadas. “É ... - penso eu - se, se eles me falarem mais alguma coisa...”; “QUÊ?” - outra pessoa responde: "Os fósseis fazem com que a gente veja o passado que nem estátua, esclerosado no presente. Uma imagem do passado ainda viva." Sinais gemem, de muito longe, e a princesa vai parar lá em Salvador, numa rua, depois da chuva, com seu vestido de noiva cheio de espinhos! Agora, ela é um fóssil – o fóssil K.- KYRA O. PISTILLI . moda-fotografia-publicidade: conceitos como crônicas da vida contemporânea. KATE, um conceito em diálogo com "Single" de Leo França. Read Less
    Published:
chamando ela kate
go back to chamandoela.com