O DIA DO DESASSOSSEGO (RESTLESS)
O DIA DO DESASSOSSEGO (RESTLESS)
10min | Ficção | Curta-metragem | Portugal | 2011​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​


Pessoa, um homem-estátua da Baixa-Chiado, tenta ser estátua perfeita e sobreviver a um dia de desassossego; 
Camões, os turistas chineses, os literatos e as miúdas giras têm outra ideia em mente.
"Um filme com um charme apaixonante, com um trabalho cuidado 
de uma enorme coerência artística que potencia o desempenho do actor."

Júri do 6.º Concurso de Vídeo da Fundação INATEL
Cartaz
Cartaz Festivais
STORYLINE
Lisboa, manhã, hora de ponta. Como que saído das profundezas da cidade, um homem destaca-se dos demais; trata-se de Pessoa, o homem-estátua. Pessoa percorre as ruas do Chiado à procura de um bom spot onde desempenhar a sua arte. Ele só quer paz, sossego e algum reconhecimento. Fracasso! Nada disso se afigura possível num dia de absoluta desconcentração e desassossego. Tudo e todos parecem conspirar contra ele. A começar em Camões, um mimo sedento de protagonismo, que tudo faz para desconcertar o nosso herói. Mas não esqueçamos também o omnipresente casal de turistas chineses, o frenético coção literato ou ainda as inúmeras raparigas giríssimas que desfilam à frente do desgraçado do Pessoa que só quer estar imóvel e focado na tarefa de ser estátua perfeita. No final, Pessoa descobrirá que, a qualquer artista que se preze, uma só vida não chegará para obter o tão desejado reconhecimento...
Argumento/ Script
O DIA DO DESASSOSSEGO (RESTLESS)
65
417
1
Published:

O DIA DO DESASSOSSEGO (RESTLESS)

Curta-metragem/ Short film.
65
417
1
Published:

Creative Fields