• Add to Collection
  • Tools Used
  • About

    About

    Como TCC do curso de Comunicação Visual, foi desenvolvido um livro de contos ilustrados, além de todo o aparato para sua realização, incluindo um… Read More
    Como TCC do curso de Comunicação Visual, foi desenvolvido um livro de contos ilustrados, além de todo o aparato para sua realização, incluindo um coletivo como "empresa", estratégias de marketing e financiamento (que será a partir de plataformas crowdfunding), e peças gráficas para uso comercial e interno. Read Less
    Published:
O projeto foi o desenvolvimento de um livro de contos ilustrados. Seu nome, "Contos Invisíveis", foi definido a partir do conceito de que os autores dos contos escolhidos ainda seriam desconhecidos para o grande mercado, sem obras publicadas em mídia física, mas que possuem trabalhos de qualidade. Com a produção do livro, tanto as designers quanto os escritores conseguiriam se inserir no mercado, dando um passo em conjunto para se tornar visíveis para o público.
Logo do Coletivo
Durante o desenvolvimento, foi percebida a necessidade dar um nome para esse "grupo" de pessoas, então desenvolveu-se o 'Coletivo Pitanga', cuja formação principal compunha-se pelas quatro designers do projeto, mas que também podia se encaixar os autores dos contos, como uma parceria.
Capa do livro impressa para testes.
A capa do livro consiste em uma capa branca com o nome do coletivo e parte de seu título. Então uma sobrecapa em acetato é sobreposta, impressa em tinta branca, com trechos dos contos na caligrafia dos próprios autores e o "IN" de de Invisíveis, do título, fazendo uma brincadeira com esse conceito de visibilidade/invisibilidade.
Índice do livro.
O índice foi resolvido de modo a levar o leitor a reconhecer os contos tanto pelo número e
identificação de autor/nome, quanto através de um fragmento da ilustração, que também funciona
como um tipo de teaser do conto.
 Página de abertura. Conto: Farsesco.
Cada conto que se inicia possui um tipo de capa própria com o nome do autor em destaque à direita e o trecho deste conto na caligrafia do autor ao fundo.
Conto: Para Ser um Mago, de Jéssica Schiavetto.
 
Todo conto possui sua ilustração de abertura, adicionada conforme a poética do conto.
Na primeira página, antes do texto do conto, estarão (conforme modelo): o Título, subtítulo e
citação (alguns dos autores optaram por colocar citações no início de seus textos), nessa mesma ordem
de importância.
A diagramação de cada conto é única, pois cada conto tem sua particularidade. A disposição,
tamanho do texto e mancha gráfica varia de acordo com a entonação poética de cada autor.
Ceinto: Farsesco, de André Reina.
Conto: Vaca Brinde. Autor: Marcus Mazieri.
Conto: Não Pode Ser, de Gabriel Augusto.
Conto: Não Pode Ser, de Gabriel Augusto.
 
Para ajudar na divulgação (que seria realizada em feiras de produção independente e mídias sociais tais como Facebook, Instagram e Youtube, também foi desenvolvido um site para o projeto, onde pode-se encontrar informações sobre o projeto do livro, o coletivo, os autores e prévias das ilustrações utilizadas, em uma galeria própria. Os vídeos-trailer do livro, que contam com dois autores por vez narrando trechos de seus contos também estão presentes e também trabalham na ligação do público com os autores.
Adesivos e cartões postais (frente).
Pôsteres A3.