• Add to Collection
  • About

    About

    Logo a abrir esbarramos com um meio-Joker de esfregona em punho. Na casa-de-banho, encontramos o Homem-Aranha a provar que é igual a todos nós. T… Read More
    Logo a abrir esbarramos com um meio-Joker de esfregona em punho. Na casa-de-banho, encontramos o Homem-Aranha a provar que é igual a todos nós. Tudo normal. Ali está o Darth Vader a impor respeito ao multibanco, a Mulher-Maravilha à espera do nosso casaco, a Navegante da Lua (Sailor Moon) a retocar a maquilhagem — não vá o Mascarado aparecer. Tudo normal, sublinhamos. Afinal, estamos num parque de diversões chamado Comic Con Portugal. Durante o fim-de-semana não faltaram curiosos na Exponor (portugueses, mas também espanhóis, franceses e ingleses). Uns eram caricaturados por artistas, cantavam “karaoke”, caçavam autógrafos, jogavam videojogos ou viam as peças originais de filmes de cinema fantástico, como as lâminas de Freddy Krueger de Pesadelo em Elm Street, na ExpoSyfy; enquanto outros arrastavam zombies por uma corda, imitando a personagem Michonne de “The Walking Dead”. O “cosplay” e os “cosplayers” (pessoas que se mascaram de personagens de séries, filmes, BD, videojogos e anime) são uma parte importante destes eventos. Miguel Oliveira, da Point and Shoot, não teve outra hipótese senão fotografá-los. // P3 Read Less
    Published: