• Add to Collection
  • Tools Used
  • About

    About

    Off the Record revela um dos nossos grandes fascínios: retratos. Algumas das mulheres que alinharam connosco em sessões intimas e que nos dão a c… Read More
    Off the Record revela um dos nossos grandes fascínios: retratos. Algumas das mulheres que alinharam connosco em sessões intimas e que nos dão a conhecer um pouco mais da essência de cada uma delas. // Off the record reveals one of our biggest fascinations: portraits. Some of the women who lined up with us in intimate sessions and that show us a little bit more of their essence Read Less
    Published:
Sou a Cátia, tenho 20 anos e nasci no Porto.  O meu grande amor é a literatura, os livros são possivelmente o que me melhor me caracteriza, ao lado das pessoas de quem gosto e da minha grande paixão por viajar. Sou insatisfeita por natureza e, por isso, estudo Filosofia, também uma das minhas grandes paixões.

1. Qual a característica que mais marca a tua feminilidade?
De feminina tenho pouco, mas posso dizer que a minha feminilidade se caracteriza por um certo cuidado que tenho com a minha aparência. Não nego que sou um pouco Maria rapaz mas também não nego que sou uma menina que gosta de se sentir bonita. É essa menina que me caracteriza como Mulher.

2. Se esta sessão tivesse banda sonora, que música escolhias?
Eu penso que a sessão teve banda sonora durante alguns minutos, The Smiths acho. Mesmo que não tenham sido eles, a minha escolha seria o “The queen is dead”.

3. Enquanto estavas a ser fotografada, pensaste em algum momento ou em alguém em especial?
Sinceramente, não pensei em ninguém ou em algum momento especial. Pensei sempre se estaria bem ou não, que sou um desastre em sessões, entre outras coisas do género.

4. Ao olhar para as tuas fotos, o que mais gostas de ver em ti?
As fotografias estão lindas, o que tenho de agradecer ao Miguel. Fiquei encantada com a forma como ele me fotografou. Dito isto, é muito difícil responder a esta pergunta, porque todas as fotografias conseguiram guardar de mim algo que eu gosto.

5. Existe uma foto preferida? Se sim, qual e porquê?
Sim, há uma. Aquela em que se vê todo o quarto onde estou. Não é o meu quarto, mas neste momento é nele que vivo, é o meu espaço e os espaços são muito importantes para mim. Reflectem sempre aquilo que sou.

6. Qual a sensação de ver o resultado final da sessão?
Estou muito feliz com o resultado. Não podia esperar ou querer mais do Miguel e do trabalho dele, ele conseguiu que as fotografias fossem tudo o que eu queria. Resta-me dar-lhe os parabéns.  

//
 
1. How do you define your femininity?
I don’t have much of a women, but I can say that my femininity is characterized by a certain level of care that I have with my appearance. I don’t deny that I am a little “Maria rapaz” but also don’t  deny that I am a girl who likes to feel beautiful. Is this girl that characterizes me as a Woman.

2. If this session had a soundtrack, which music would you pick?
I guess the session had a soundtrack for a few minutes, The Smiths I think. Even if  it wasn’t them, my choice would be “The queen is dead.”

3. While you were being photographed, did you thought about a moment or someone in particular?
Honestly, I didn’t think of anyone or any special moment. I was always thinking if I was looking good or not, I’m a disaster in sessions and in stuffs like this.

4. When you look at your photos, what do you like to see in you?
The photos are beautiful, I have to thank Miguel. I was delighted with the way he photographed me. That said, it’s very difficult to answer this question because all the photos managed to keep something of me that I like.

5. Is there a favorite photograph? If so, which one and why?
Yes, there is. The one you can see the entire room where I am. That it’s  not my room, but is in it that I live at the time, it’s my space and spaces are very important to me. They always reflect what I am.

6. How does it feel to see the final result of the session? 
I’m very happy with the final result. I couldn’t hope or ask for more from Miguel and he’s work, the photographs that he took were all that I’ve ever wanted. All that’s left for me to say  is to congratulate him for his work!

http://www.offtherecord.pt/portfolio-view/catia/