• Add to Collection
  • Tools Used
  • About

    About

    Exhibition"Aves e Evolução: Uma Perspectiva Histórica" (Birds and Evolution: A Historical Perspective), which was on display at the 21st Brazilia… Read More
    Exhibition"Aves e Evolução: Uma Perspectiva Histórica" (Birds and Evolution: A Historical Perspective), which was on display at the 21st Brazilian Ornithological Congress (December 2014). Read Less
    Published:
Exposição "Aves e Evolução: Uma Perspectiva Histórica"

Foram preparadas 10 pranchas em aquarela e o design de painéis para a exposição, em parceria com Glaudson Albuquerque (Universidade Federal do Rio Grande do Norte), responsável pela curadoria e textos, que esteve em exibição no XXI Congresso Brasileiro de Ornitologia, realizado na PUC do Rio de Janeiro.
Detalhe de algumas das ilustrações presentes na exposição:
Anodorhynchus glaucus (Arara-azul-menor)/Raphus cucullatus (Dodô)/Conuropsis fratercula
As pranchas em aquarela foram elaboradas seguindo o estilo naturalista, mantendo uma estética artística ao mesmo tempo que são cientificamente fiéis aos dados apresentados. Foram feitas pesquisas sobre os aspectos morfológicos e comportamentais dos animais, de modo a retratá-los de maneira correta interagindo com seu meio ambiente. Para as espécies extintas também foram levantando dados sobre fósseis, registros históricos e espécies semelhantes, para que a reconstrução das mesmas fosse o mais fiél possível.
Exemplos dos painéis presentes na exposição. O formato utilizado na apresentação dos fatos e a espécie relacionada (esquerda) apresenta uma área em destaque destinada à aquarela. O painel de apresentação (direita) mantém o formato simples. Todos os painéis possuem conteúdo tanto na frente quanto no verso.
Os painéis possuem medida de 100x200cm, que, aliados aos textos sucintos e diretos, procuram transmitir de forma clara a ideia apresentada. O visual buscou manter um equilíbrio entre a temática dos fatos históricos presentes no texto, através das cores e ilustrações de fundo, ao mesmo tempo que fosse moderno, através dos tipos sem serifa e áreas de cores chapadas. 
A exposição no XXI Congresso Brasileiro de Ornitologia (Rio de Janeiro).