• Add to Collection
  • About

    About

    “o que quero ser quando for grande” é o desenvolvimento de conceitos e soluções para comunicar. Na colaboração desenvolvida com as Edições indepe… Read More
    “o que quero ser quando for grande” é o desenvolvimento de conceitos e soluções para comunicar. Na colaboração desenvolvida com as Edições independentes, aquando do lançamento da fanzine artesanal “black riot book” fui convidado a reflectir sobre o tema “prostituição”. Considerando as duas dimensões que atribuímos ao papel, após uma pesquisa intensa de soluções comunicativas, decidi-me por redimensionar esse suporte através do recorte. À folha lisa, ausente de intenção comunicativa, podemos associar a imagem da prostituta num espaço, quase indistinguível desse meio em que está inserida, ainda que “sulcada” nele. O elevar das letras para se perceber a mensagem, será revelador do processo de conhecimento entre o suposto cliente e a profissional, ou o leitor e o papel. Finalmente, a compreensão que resulta da tridimensionalidade e dos jogos de luz será a fase da revelação das intenções. A realidade são sempre essas três dimensões, seja ao nível da comunicação de uma mensagem, seja ao nível da negociação de intensões ou do conhecimento dos carácteres. Read Less
    Published:
“o que quero ser quando for grande” é o desenvolvimento de conceitos e soluções para comunicar. Na colaboração desenvolvida com as Edições independentes, aquando do lançamento da fanzine artesanal “black riot book” fui convidado a reflectir sobre o tema “prostituição”.
Considerando as duas dimensões que atribuímos ao papel, após uma pesquisa intensa de soluções comunicativas, decidi-me por redimensionar esse suporte através do recorte. À folha lisa, ausente de intenção comunicativa, podemos associar a imagem da prostituta num espaço, quase indistinguível desse meio em que está inserida, ainda que “sulcada” nele. 
O elevar das letras para se perceber a mensagem, será revelador do processo de conhecimento entre o suposto cliente e a profissional, ou o leitor e o papel. Finalmente, a compreensão que resulta da tridimensionalidade e dos jogos de luz será a fase da revelação das intenções.
A realidade são sempre essas três dimensões, seja ao nível da comunicação de uma mensagem, seja ao nível da negociação de intensões ou do conhecimento dos carácteres.  
conceito e produção: Daniel Oliveira
texto: André da Rocha
fotografia: Paulo Neves