Zine Žena
Sobre o projeto
Valorizamos um olhar profundo sobre os fatos, por isso, desde 2009, atualizamos a Zena online. No berço, a Zena foi ninada por Gay Talese, fundador do New Journalism (Novo Jornalismo ou Jornalismo Literário). Absorvemos o amor pelas descrições in loco, as críticas com a beleza de quem escreve um romance ou com a selvageria dos indignados. Eis a natureza, seja bem vindo ao universo Žena.
Eu e Belisa Parente na Fliporto 2012 decidimos que a Revista Zena iria participar de outra maneira, o Zine caiu de forma perfeita, foi lançado na programação alternativa do eventos, 500 exemplares foram distribuído gratuitamente na Alt!Fest Fliporto. A diagramação foi feita por mim, o conteúdo foi elaborado por diversos colaboradores. O maior desafio na diagramação foi desenvolver ele sem o Illustrator, feita no Scribus (programação de diagramação do Linux). A capa foi feita pela artista plástica recifense Badida Campos.
Confira:
Release do Evento
Zine Zena #1
No próximo sábado (18/11/2012), a partir das 20h, dentro da programação do Alt Fest Fliporto, estaremos lançando e distribuindo gratuitamente a Zine Zena. Serão 500 exemplares, então quem quiser conferir o nosso trabalho é bom aparecer para garantir o exemplar.

Eis o time desta edição especial para a Fliporto: Badida Campos, Ganjarts Pessoa, Camila Ribas, Wagner Beethoven, Ðani Leão, Mirthyani Bezerra, Vitor Batista, Marília Guarani-Kaiowá Parente, Manuca Bandini, Urariano Mota, Belisa Parente e Jana Lauxen ;) Alt Fest Fliporto - Poesia . Prosa . Artes Integradas, Evento colaboraltern@tivo, paralelo à Fliporto, de 15 a 18 de novembro, em Olinda. Gentileza – Espaço Etílico e Cultural - Rua do Amparo, 17 * Quatro Cantos.
* Fanzines, ou simplesmente zines, são, desde os anos 60, um meio de comunicação independente, feitos majoritariamente por “fãs” de determinadas subculturas, como cinema de ficção científica, música punk, jornalismo independente, e qualquer outro tema que a imprensa oficial não tratasse com profundidade. Eram geralmente xerocados ou mimiografados e trocados pelo correio ou em grandes encontros temáticos. Assim, além de uma publicação, era o ponto de partida para a criação de redes de pessoas interessadas nos assuntos abordados. [Fonte: MCD LAB]